O cultivo de morangueiro no Brasil possui destaque por empregar um número significativo de mão-de-obra, muitas vezes familiar, assim como pela importante fonte de vitaminas. A produção manteve um ritmo de crescimento acelerado, acompanhando o aquecimento do mercado interno, no entanto as exigências dos consumidores em relação à sanidade e à qualidade das frutas também aumentaram. Visando atender esta demanda, muitos produtores estão migrando do sistema de cultivo no solo, para o cultivo em ambiente protegido, fora do solo, que também é chamado de semi-hidropônico, ou hidropônico com substrato. Este sistema, permite uma melhoria na qualidade de vida das pessoas, uma vez que melhora a ergonomia de trabalho. Outro fator importante é a redução de problemas relacionados a patógenos, principalmente fungos fitopatogênicos, presentes no solo, o que minimiza o uso de agrotóxicos.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango semi hidroponico

Cultivo de morangueiro fora do solo, também chamado de semi-hidropônico.

Desafios do sistema semi-hidropônico

Contudo, novos problemas surgem neste sistema semi-hidropônico, o que exige um constante monitoramento do ambiente, desde a implantação do sistema de produção até o final.  Um exemplo, é a ocorrência de larvas de fungus gnats. O grupo fungus gnats é composto por diversas famílias, sendo que no Brasil, a família Sciaridae é a mais encontrada importunando os cultivos.  Dentro desta família tem-se diversas espécies que ocorrem associadas a plantas em viveiros e casa-de-vegetação com flores, mudas de cana-de-açúcar recém brotadas (MPB), assim como em morangueiro semi-hidropônico.

Estudos estão sendo conduzidos no Brasil, com intuito de elucidar quais as espécies que estão acometendo as produções, no entanto o comportamento destas é semelhante, com preferência por ambientes ricos em umidade e matéria orgânica, o que é encontrado nestes sistemas mencionados acima, com cultivo em substrato.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango visualizacao2

Fungus gnats visualizada em lupa e a olho nu.

Aspectos bioecológicos

Os adultos possuem uma longevidade baixa, executam vôos rasteiros sobre as bancadas, quando as fêmeas fazem a postura no substrato e sistema radicular das plantas de morangueiro, podendo neste momento ocasionar danos indiretos através da disseminação de fungos. Cada fêmea pode colocar em média 150 ovos, dos quais eclodem as larvas com menos de 0,5mm, no primeiro instar, e entre 5-6mm no quarto e último instar. Durante a fase larval (10-14 dias), que ocorrem os danos diretos, quando as larvas se alimentam do tecido vegetal, como as raízes e coroa das plantas de morangueiro. No entanto, danos indiretos também ocorrem, uma vez que as larvas podem disseminar inóculos de fungos além de, no processo de alimentação abrir entrada para fungos no sistema radicular das plantas.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango ciclo final 2

Ciclo biológico de Bradysia sp., também conhecida como fungus gnats.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango ciclo mobile final 2

Ciclo biológico de Bradysia sp., também conhecida como fungus gnats.

Ocorrência de fungus gnats no cultivo de morangueiro em sistema semi-hidropônico

Assista ao vídeo

Danos

Os danos ocasionados pelas larvas, são problema principalmente na fase de enraizamento das plantas, quando as mudas de morangueiro estão mais susceptíveis ao ataque, o que exige a instalação de armadilhas adesivas amarelas desde o transplante para monitorar a ocorrência do inseto.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango monitoramento

Monitoramento com armadilha adesiva amarela.

A identificação dos danos ocasionados pelas larvas é difícil, uma vez que, as larvas adentram na coroa das plantas e os sintomas são observados nas folhas, os quais muitas vezes são confundidos problemas fúngicos. Sendo assim, é necessária uma observação bem cuidadosa do sistema radicular e coroa, assim como monitorar desde o início do transplante com a instalação de armadilhas adesivas amarelas nas bancadas.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango monitoramento 2

Presença de larvas no sistema radicular de plantas de morangueiro.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango sintomas 022

Sintomas de ataque de larvas de fungus gnats.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango sintomas 012
promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango sintomas 022
promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango sintomas 012

Sintomas de ataque de larvas de fungus gnats.

Controle de Fungus gnats

O manejo destes insetos, independente da espécie, pode ser realizado com a adoção de medidas que dificultam o estabelecimento das larvas, como:

Escolher corretamente o local para a instalação das estufas (bem arejado e longe de fonte de inóculo, ricas em matéria orgânica).

Na abertura dos slabs, para o transplante, evitar orifícios muito grandes (onde os adultos irão realizar a postura).

Desde o transplante, realizar o monitoramento com armadilhas adesivas amarelas e executar a limpeza das estufas sempre, com a retirada de restos culturais.

Realizar o manejo correto da irrigação (evitando o excesso de umidade).

Se a adoção destas medidas que dificultam o estabelecimento da praga não for suficiente, outra alternativa de manejo é com a liberação de ácaros predadores pertencente à família Laelapidae, cuja espécie, Stratiolaelaps scimitus, é registrada no Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento como Stratiomip, para o controle de uma espécie de fungus gnats (Bradysia matogrossensis)  e tem demonstrado um bom desempenho também para o controle de Bradysia sp. na cultura do morangueiro. A liberação do predador pode ser realizada de maneira preventiva, logo após o transplante. Os ácaros irão atuar na predação das larvas de fungus gnats, quebrando o ciclo de desenvolvimento da praga, reduzindo assim os danos.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango controle2

Stratiolaelaps scimitus predando larvas de fungus gnats.

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango propaganda logo

PROTEÇÃO EFETIVA
CONTRA O
FUNGUS GNATS!

promip manejo integrado pragas controle biologico mip experience fungus gnats morango propaganda logo

PROTEÇÃO EFETIVA
CONTRA O
FUNGUS GNATS!

MIP EXPERIENCE 

NOTÍCIAS

EVENTOS

MIP EXPERIENCE 

NOTÍCIAS

EVENTOS

Deixe seu comentário

© 2018 Promip.